Dicas

Pompoarismo: O que é, e quais são seus benefícios de sua prática?

É inegável a importância de conversar abertamente sobre o corpo, o prazer e a maneira de se auto cuidar, pois quando se está feliz com você mesmo todos os ramos da vida tendem a caminhar em um destino melhor.

Com base nisto, hoje quero apresentar para você um assunto que, as vezes, é bastante conectado a somente seu lado sexual, contudo, os benefícios de sua prática transcendem essa barreira trazendo diversos benefícios a saúde física e mental do praticante. Você já ouvir falar sobre o pompoarismo?

O que é e como surgiu?

O pompoarismo surgiu no oriente, milhares de anos atrás. Especificamente na Tailândia, onde a prática do pompoarismo era um ato cultural que era transmitido de avós para filhas e netas. Tratava-se de um conhecimento ancestral que era passado com o objetivo de controlar melhor a musculatura do assoalho pélvico, assim podendo proporcionar um melhor prazer ao seu marido e consequentemente conseguir um bom casamento.

Contudo, a chegada do pompoarismo no ocidente só foi possível devido a troca de cultura e experiência conforme o avanço da humanidade, o pompoarismo da forma como vemos hoje, teve a sua origem baseada em um método utilizado por um ginecologista americano chamado Dr. Arnold Henry Kegel com o objetivo de tratar, inicialmente, a incontinência urinária.

O exercício consiste na contração dos músculos da região do períneo e da vagina, diferentemente dos músculos na região das pernas e dos braços, que por sua vez são estimulados desde a fase da infância, a musculatura do assoalho pélvico por sua vez é pouco utilizado, portanto tornando a sua prática ainda mais importante trazendo vários benefícios tanto físicos quanto psicológicos.

Em suma maioria, o pompoarismo é praticado por mulheres que buscam compreender melhor o seu corpo e procuram mais prazer na hora do sexo. Mas os benefícios não param por aí, outros benefícios facilmente notáveis são o fortalecimento do assoalho pélvico e da prevenção de doenças como a incontinência urinária.

Quais são os benefícios da prática do pompoarismo?

Como já mencionado anteriormente, os benefícios da prática do pompoarismo não param somente no âmbito sexual, mas também propiciam uma melhor qualidade de vida, portanto confira abaixo os benefícios do pompoarismo:

  • Redução das cólicas menstruais: as cólicas são contrações voluntárias da parede interina. Elas ocorrem com o objetivo de eliminar o sangue do endométrio. Com a prática do pompoarismo, a região acaba recebendo mais oxigênio e circulação sanguínea, fazendo com que o útero relaxe, assim aliviando as cólicas.
  • Controle da incontinência urinária: fortalecer o assoalho pélvico influencia direto no controle da urina. Diversas pessoas não possuem o conhecimento da existência de músculos nessa região até se depararem com esse problema. O pompoarismo influencia nesse controle e também na sustentação de bexiga, útero e demais órgãos.
  • Melhor qualidade na hora do parto: com a prática regular do pompoarismo, a gestante passa a compreender melhor o seu corpo, fator de extrema importante durante o trabalho de parto. Possuindo esse conhecimento, a gestante passa a ser capaz de entender qual força e respiração necessária para ter um parto de melhor qualidade.
  • Grande aliado no momento da menopausa: mulheres que passam pela menopausa, diversas vezes, perdem a libido, a autoestima e ganham incontinência urinária, ressecamento vaginal, dores durante o sexo e consequentemente a insegurança. O pompoarismo auxilia na lubrificação, além de ser uma grande fonte de autoconhecimento e autoconfiança.
  • Melhora os orgasmos: a mulher praticante do pompoarismo adquire uma melhor compreensão sobre o próprio corpo. A prática permite a descoberta de novas áreas e formas de prazer.
  • Auxílio no prazer do parceiro (a):  Os benefícios não si limitam apenas a pessoa praticante do pompoarismo, pois influencia diretamente a capacidade de proporcionar prazer não só a pessoa praticante, mas também ao seu parceiro (a).
Principais contraindicações do pompoarismo?

Apesar dos inúmeros benefícios apresentados anteriormente, ainda existem contraindicações da prática do pompoarismo, visto que não são todas as pessoas que podem praticar o exercício, ou seja, existem alguns cuidados que são necessários a se observar antes do início da prática.

  • Mulheres gestantes: Nos três primeiros meses da gestação, não é recomendado a prática do pompoarismo, porque há risco de provocar contrações no útero e o aborto por meio de movimentos. Nos meses subsequentes, somente existirá alguma contraindicação dependendo do estado da gestação da mulher. Por isso, o acompanhamento médico é crucial.
  • DIU: O dispositivo intrauterino (DIU) é utilizado como método contraceptivo, apesar de não possuir contraindicações graves, é recomendado consultar um médico antes de começar a praticar a técnica, principalmente se o dispositivo foi colocado recentemente.
  • Período Menstrual: A contraindicação da prática do pompoarismo durante o período menstrual é centralizada na utilização de acessórios para potencializar o exercício. Enquanto houver fluxo menstrual, é recomendado realizar a prática sem a utilização de acessórios, com o intuito de manter a higiene e prevenir possíveis infecções.
  • Endometriose: Devido a prática do exercício proporcionar um aumento do fluxo sanguíneo na região pélvica, quem possui endometriose pode vir a enfrentar desconfortos e complicações. Nessa situação é recomendado consultar um especialista para conhecer as possibilidades da pratica.
  • Inflamações e infecções: Se a pessoa possuir qualquer tipo de inflamação ou infecção, é necessário tratar do problema primeiro e verificar com um médico se o corpo está apto para fazer contrações ou receber objetos específicos.
Como é feito a prática do pompoarismo?

Com os benefícios e as contraindicações do pompoarismo em mente é necessário compreender como é realizado a prática desse exercício. O pompoarismo pode ser praticado com a utilização de acessórios específicos ou sem o uso de acessórios, contudo, é sempre recomendado consultar um especialista antes para conhecer qual destas maneiras pode se encaixar mais com o seu perfil.

A prática do pompoarismo como apresentado anteriormente, beneficia em diversos pontos específicos da vida, contudo ainda é necessário buscar se alientar sobre as contraindicações e na forma na qual deva ser praticado. Portanto, sempre procure por um especialista!

E ai, gostou? Fique ligado ao blog da Meame para outros conteúdos.

Fontes Bibliográficas:

Posts Relacionados