Curiosidades

Qual a origem do Carnaval?

A origem do carnaval

O carnaval é uma das datas festivas mais populares no ocidente, sendo a maior festividade no nosso país. Mas, você já tentou saber como surgiu essa data tão importante no nosso calendário e na nossa economia?

Historicamente, a sua origem pode ser associada a diversos períodos, principalmente com a Idade média diretamente relacionada ao cristianismo, contudo, o surgimento do carnaval pode ser associado a alguns outros fatores.

Assim, uma das origens do carnaval está diretamente ligada aos povos mesopotâmicos, gregos e romanos.

Tendo a ideia que, o carnaval seria o “mundo de cabeça para baixo”, ou seja, um mundo onde as atitudes “comuns” teriam sido invertidas temporariamente, sendo uma das característica da festa em sua origem mesopotâmica.

Já o lado dos gregos e romanos, eram realizada festas em homenagem a Dionísio (deus do vinho e das festas, pelo lado dos gregos) e Baco para os romanos, e suas festas visavam sempre a extravagância, bebedeiras e a liberdade para prazeres carnais.

O carnaval na Idade Média

Com o avanço da civilização, mais especificamente na Idade Média com a estruturação da Igreja Católica, houve uma certa busca pelo controle dos momentos festivos da população.

Contudo, em 590 d.C, após não ter conseguido acabar com a festividade resolveu adotar parte da festividade como forma de ter um certo controle sob a população.

Embora os líderes religiosos da época creditarem a festa como um ato pagão e pecaminoso, foi criada então a quaresma, a data do calendário que compreendia as seis semanas que antecediam a Páscoa.

O período que em sua ideia, deveria ser um tempo mais sabático, voltado ao estudo, sem celebrações e com ceras restrições alimentares. Com a carne sendo um dos alimentos restritos.

Logo, etimólogos, apontam que esta seja a possível origem do Carnaval. Pois, o termo veria de “Carnelevale”, que em formas antigas de italiano, tem o significado de “retirar a carne”.

Portanto, ficou organizado que as comemorações deveriam vir antes do jejum, para criar uma separação entre os costumes pagãos e cristãos. No período de festejos, era comum a fartura de alimentos e bebida.

Como o carnaval chegou no Brasil?

O Carnaval foi devidamente trazido para o Brasil durante o processo de colonização portuguesa. Então, os historiadores afirmam que a celebração estabeleceu-se no país entre os séculos XVI e XVII e teve como primeira prática o entrudo.

O entrudo trazia o clima de zombaria pública que predomina no carnaval e foi uma brincadeira muito comum até meados do século XIX. A sua manifestação mais tradicional era conhecida como “molhadelas”, nelas as pessoas jogavam líquidos malcheirosos umas nas outras.

Com o decorrer do tempo, a prática do entrudo acabou sendo substituída na parte mais alta da sociedade por práticas mais comuns do carnaval europeu que estavam em evidência durante o século XVIII, e, assim, teve o início do baile de máscaras no Brasil.

Já a partir do século XIX, os bailes de máscaras começaram a se tornarem popularizar, e, com o surgimento de sociedades carnavalescas, foram levados para as ruas. Assim, se consolidava o hábito de se mascarar durante o carnaval brasileiro.

Carnaval no Brasil

Não é segredo para ninguém que o carnaval é a maior festa popular do Brasil, além de ser uma festa com uma data variável diretamente ligado com a Páscoa.

Pois, uma vez estabelecidos os dias da Páscoa, é possível definir os do Carnaval, uma vez que a terça-feira de carnaval é fixada exatamente 47 dias antes da páscoa. No ano de 2023, a data será celebrada especificamente no dia 21 de fevereiro.

Adquirir conhecimento sempre é importante, mas se você for curtir o carnaval por aí tenha sempre em mente os cuidados e precauções necessários para que nada atrapalhe o seu momento de folia!

Após conhecer um pouco mais de como surgiu essa data tão importante no nosso calendário e que tem um certo poder socioeconômico durante o começo do ano, que tal conferir a nossa promoção “Summer Folia Meame” que tem tudo a ver com o carnaval e com o verão?

E ai, gostou? Fique ligado ao blog da Meame para outros conteúdos.

Posts Relacionados